Tempurá

Harumaki ou Rolinho Primavera
7 de fevereiro de 2018
Porco Agridoce
7 de fevereiro de 2018

Olá Amigos! Outra receita oriental deliciosa é o Tempurá. Este prato muito popular no Japão teve origem trazida por jesuítas portugueses nos meados do século XVI. Segundo a tradição católica, não se deve comer carne vermelha durante a quaresma e o tempurá de legumes e frutos do mar passou a ser uma alternativa de alimentação para os missionários.

 

TEMPURÁ

Ingredientes:

Para temperar o camarão (ou legumes): 1 colher de chá de aji-no-moto;

1 colher de sopa de sakê mirin (sakê culinário);

1 pitada de sal

1/2 kg de camarão médio limpo sem cabeça e sem casca, mas com a calda;

Q.b. de sal.

Para a massa: 1 xícara de chá de água bem gelada;

2 xícaras de chá de farinha de trigo;

1 ovo.

Para o molho: 2 xícaras de chá de água;

3 colheres de sopa de sakê mirin (sakê culinário);

3 colheres de sopa de shoyu;

1 colher de chá de dashi – caldo de peixe (opcional);

2 colheres de sopa de gengibre ralado;

1 colher de sopa de nabo ralado (opcional);

Q.b. de aji-no-moto;

Q.b. de sal.

Vamos cozinhar!

Parra a massa: Coloque o ovo e a água gelada em uma bacia ou bowl, de preferência de inox, e mexa até dissolver o ovo.

Adicione a farinha aos poucos, misturando delicadamente sem bater a massa para não espalhar a farinha.

A massa não precisa ficar totalmente homogênea e também não precisa descansar por muito tempo. Reserve.

 

Preparação dos camarões: Estique os camarões e faça pequenos cortes transversais na parte interna para que não enrolem na fritura. Tempere e estique-os cuidadosamente em uma superfície lisa. Reserve.

 

Para o molho: Em uma panela, coloque a água e adicione o saque, o shoyu, o aji-no-moto e o dashi.

Leve ao fogo médio e deixe ferver por cerca de 2 minutos.

Deixe esfriar e acrescente o nabo e o gengibre. Mexa levemente. Reserve.

Preparando o Tempurá: Em uma panela coloque o óleo e leve ao fogo para ir aquecendo (a quantidade do óleo tem que ser o suficiente para cobrir os camarões ou legumes);

Passar o camarão ou o legume um por um na massa e frite em óleo quente até que fique dourado médio.

Dicas O contraste entre a baixa temperatura da massa e a alta temperatura do óleo é fundamental para o tempurá ficar com a textura crocante. É importante que a massa esteja gelada e, de preferência, fresca.

Uma boa dica para manter a massa gelada até o final da fritura é colocar a bacia ou bowl da massa dentro de outra bacia maior com água gelada e cubos de gelo.

Não coloque sal na massa, pois o molho é a finalização do tempurá. Acrescentar sal à massa pode alterar o seu sabor já que o molho já tem sal.

Podemos usar legumes no lugar do camarão como cenoura cortada em bastões fininhos, nabo, cebola, etc.

Rende: 6 porções.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *