Kibe

Kibe Assado Recheado
8 de fevereiro de 2018
Kibe Crú
8 de fevereiro de 2018

Olá Amigos! Como vocês gostam dele? Cru, assado ou frito? Não importa a forma, essa delícia que é o kibe, conquistou o mundo!

Ele teve sua origem no Mediterrâneo e no Iraque. No início ele era uma comida típica das classes menos favorecidas, pois a carne era misturada ao trigo para render e poder alimentar toda a família.

O Nome kibe deriva de kubbeh que em árabe significa bola.

Esse prato só chegou no Brasil graças às mãos dos imigrantes libaneses que vieram para cá e incorporaram essa receita tipicamente árabe ao nosso país. Hoje ele é famoso e muito consumido no mundo todo. Com o tempo, novas receitas foram criadas a partir do tradicional kibe. Muitos já incorporaram o queijo, o catupiry, o presunto e outros ingredientes.

 

KIBE

Ingrediente:

Para a Massa: 1 kg de trigo para quibe;

500g de patinho moído;

1 cebola grande;

1 colher de chá de sal;

½ colher de chá de pimenta síria;

Óleo para fritar;

Água gelada para modelar.

 

Para o Recheio:

500g de patinho moído;

2 colheres de sopa manteiga;

5 cebolas picadas;

½ colher de chá de pimenta-do-reino;

½ colher de chá de pimenta síria;

Q.b. de canela em pó (opcional);

Q.b. de sal.

 

Modo de Preparo:

Para a Massa: Deixe o trigo de molho na água por 15 minutos, escorra a água e esprema com as mãos para tirar todo o excesso. Misture o trigo com os temperos da massa e processe bem no processador, se precisar em várias porções. Reserve. Processe bem a cebola, retire e misture com a carne moída e processe novamente com a carne em pequenas porções. Misture usando as mãos a carne processada ao trigo com o auxilio de um pouco de água gelada se necessário, até obter uma massa homogênea e macia. Cubra com um pano e deixe na geladeira por 30 minutos.

 

Para o Recheio: Doure as cebolas raladas na manteiga com os temperos em fogo alto, acrescente a carne e continue mexendo até cozinhar.

 

Montagem Molhe as mãos com um pouco de agua gelada. Forme uma bola de 3cm de diâmetro com um pouco da massa. Com o dedo indicador fure a bola e rode a massa na palma da mão até obter um formato parecido com a casca de um ovo Coloque um pouco do recheio (1 colher de sobremesa) e feche a ponta. Frite no óleo em alta temperatura até fica da cor marrom escuro.

Rende: 40 porções

 

Dicas: A carne tem que ser limpa, sem gordura ou nervuras. É recomendável usar trigo claro fino, que pode ser encontrado em lojas de especialidades árabes, ao invés do escuro grosso encontrado nos supermercados. Muito recheio não é sinônimo de bom quibe, o importante é o equilíbrio. O recheio sempre fica solto dentro da massa. Quanto menos carne for usada para dar liga ao trigo e quanto mais fina for a massa do quibe o mesmo será considerado de melhor qualidade. Caso deseje, pode tornar o recheio mais suculento e gorduroso acrescentando mais manteiga ou até pedaços de gordura de carneiro, mas a casca tem que continuar macia e seca mesmo após a fritura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *